• setembro 2015
    D S T Q Q S S
    « ago   nov »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930  
  • Arquivos

  • Categorias

  • Link mais acessado

  • Post mais acessado

  • Melhor avaliados

  • Estatísticas do Site

    • 1,654,350 Visitas
  • Site dedicado ao Tricolor

    Este site é dedicado aos que amam o Tricolor Paulista
  • Twitter SPFC

  • RSS Globo

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • RSS DP

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • Fotos Tricolores

    Mais fotos
  • Top 30

  • Onde estão os meus Leitores

  • Tópicos recentes

Atrasos e atrasos

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), negou nesta segunda-feira (31) que as obras das linhas 17- Ouro e 15-Prata do monotrilho tenham sido paralisadas. No entanto, ele ressaltou que não haverá tempo hábil para elas serem concluídas durante seu mandato.

A decisão de deixar de priorizar a construção de 17 das 36 estações de monotrilho previstas para as linhas 17-Ouro foi anunciada na sexta-feira (28) pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos. “Estamos priorizando as obras em andamento, mas vamos fazer”, afirmou o governador durante a inauguração do novo trecho do Corredor Metropolitano Guarulhos, na Grande São Paulo. “Não houve nenhum congelamento, é que você faz por etapa.”

Questionado se a extensão das linhas do monotrilho até a Cidade Tiradentes, da linha 15, e de Paraisópolis, da linha 17, foram canceladas, Alckmin negou. “Não. Saiu na imprensa que o governo não iria levar a linha 15 até o final e a linha 17 até Paraisópolis. Não, nós estamos fazendo em etapas, como tem que ser feito”, argumentou.

No entanto, Alckmin afirmou que irá entregar apenas parte do projeto prometido. “A Linha 17, para chegar em Paraisópolis, tem que passar pela [avenida] Roberto Marinho, então nós estamos interligando o aeroporto de Congonhas com a linha 5 e a linha 9, que é a marginal Pinheiros. Depois passa sobre o Rio Pinheiros e para em Paraisópolis”, disse.

“Certamente não vamos entregar isso em 3 anos e meio, mas vamos deixar entregue até o Rio Pinheiros, até a integração do Metrô com a CPTM, adiantar ao máximo e será feito Paraisópolis. A mesma coisa a linha 15, nós já entregamos da Vila Prudente até a Oratório, estamos em obra até São Mateus, isso não quer dizer que isso depois não vá continuar.”

O governador citou que as obras do Rodoanel começaram na gestão do ex-governador Mário Covas e depois tiveram continuidade nas gestões dele e do ex-governador José Serra. “Você vai entregando e vai funcionando e a população vai usando”, completou.

Zona Sul
Na Linha 17-Ouro, anunciada como serviço que atenderia o bairro de Paraisópolis, mas que não vai mais cruzar o Rio Pinheiros, são pelo menos 9,9 km congelados, segundo informações disponíveis no site do Metrô. A obra terá agora 7,7 km dos cerca de 17,7 km prometidos e ficará restrita ao trecho entre o Aeroporto de Congonhas e a Marginal Pinheiros.

A linha também vai perder o trecho que ligaria o aeroporto até a Estação Jabaquara, onde faria conexão com a Linha 1-Azul do Metrô. A linha foi anunciada quando ainda se discutia o uso do Estádio do Morumbi para a Copa do Mundo de 2014. Ela chegou a ser prometida para 2013, mas só deve ficar pronta em 2017 e com extensão menor que a prevista.

Ficam de fora até segunda ordem as estações Panamby, Paraisópolis, Américo Mourano, Estádio do Morumbi, São Paulo-Morumbi, Jabaquara, Hospital Sabóia, Cidade Leonor, Vila Babilônia e Vila Paulista.

Zona Leste
Já a Linha 15-Prata seria a substituição do antigo Expresso Tiradentes. O chamado “Fura Fila”, projetado nos anos 90 para ir até o extremo leste, foi redesenhado depois para ser um serviço de ônibus elevado ligando o Centro à Vila Prudente. De lá, seguiria em sistema de monotrilho até Cidade Tiradentes.

Em 2013, o G1 mostrou que já havia um impasse na obra em razão de o trajeto prever a construção dos pilares do monotrilho na Avenida Ragueb Chohfi, via comercial e estreita e que é um dos principais acessos à região de Cidade Tiradentes. O impasse se dava em relação às inúmeras desapropriações previstas para a área.

Agora, a Secretaria de Transportes Metropolitanos decidiu congelar sete estações da linha 15:  Jequiriçá, Jacu-Pêssego, Érico Semer, Marcio Beck, Cidade Tiradentes e Hospital Cidade Tiradentes. Além dessas, a conexão com a Estação Ipiranga, da Linha 10-Turquesa, de 2,2 km, na outra ponta da linha.

A quilometragem total que não será priorizada neste momento não foi informada pela secretaria. A previsão inicial era que o monotrilho tivesse, no total, 26,6 km.

Nota da Secretaria
“A Secretaria dos Transportes Metropolitanos informa que, sobre os projetos dos monotrilhos das linhas 15- Prata e 17-Ouro, a prioridade é concluir os trechos que já possuem obras avançadas antes de abrir novas frentes de trabalho. Os trechos prioritários são a ligação do Aeroporto de Congonhas até o Morumbi (integração com a Linha 9 da CPTM) na Linha 17 e Vila Prudente a Iguatemi na Linha 15.

Nos demais trechos, estão sendo equacionadas as questões referentes às ampliações viárias com a Prefeitura de São Paulo, levantamento de reassentamentos e desapropriações necessárias para o prosseguimento das obras, licenciamentos ambientais e novas fontes de financiamento.”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: