Canalização já

Em manifestação pacífica, moradores de Paraisópolis, segunda maior comunidade de São Paulo, realizaram na tarde de ontem, 18, um ato para cobrar do poder público a imediata canalização do córrego do Antonico, que está prevista no programa de urbanização há alguns anos.

Em decorrência das chuvas nos últimos dias, o córrego que corta a comunidade de Paraisópolis tem passado por inúmeras enchentes e muitos moradores estão vivendo em situações precárias.

Além da canalização, os moradores reivindicaram também o atendimento às famílias atingidas, a construção de mais moradias e o avanço nas obras de urbanização.

A comunidade, em conjunto com a União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis (UMCP) já reivindicou soluções em diversos órgãos, mas até hoje o projeto sequer saiu do papel e as famílias continuam vivendo em extrema situação de risco.

Cerca de  2.000 pessoas participaram do  ato, que contou com o apoio de  ocupantes da Faixa de Gaza, em Paraisópolis, e da ocupação Chico Mendes, no Jd. Colombo do Movimento dos trabalhadores sem teto  (MTST).

O Secretário de Habitação, José Floriano, se comprometeu a enviar uma equipe para cadastrar os moradores que vivem em barracos nas áreas mais vulneráveis e pagar o aluguel social  até o final de dezembro, além de indenizar as famílias que moram em casas de alvenaria.

Fotos: Francisca Rodrigues e Jeferson Santos

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s